Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A atual Procuradora-Geral de Justiça do Amazonas, Leda Mara Nascimento Albuquerque, que recebeu 116 votos e encabeçou a lista tríplice de candidatos ao cargo enviada nesta sexta-feira (4) ao governador Wilson Lima, deverá será mantida no cargo no biênio 2020-2022.

De acordo com o Portal Único, o governador já decidiu que vai manter a tradição de nomear o mais votado da lista tríplice escolhida na quinta-feira (3) pelos membros do Ministério Público.

Wilson Lima teria revelado a pessoas próximas que vai nomear Leda Mara para continuar no cargo de Procuradora-Geral de Justiça do Amazonas.

Pela Lei Orgânica do MPAM, no seu artigo 21, a lista com os três nomes mais votados, Leda Mara (116), Alberto Nascimento (92) e André Seffair com 87 votos, foi encaminhada nesta sexta-feira (4) ao governador.

Também a mais votada em 2018

Em setembro de 2018, a promotora de Justiça Leda Mara Nascimento Albuquerque, há 22 anos atuando no Ministério Público foi escolhida pelo então governador Amazonino Mendes como a nova Procuradora-Geral de Justiça para o biênio 2018/2020.

Na votação da lista tríplice de 2018, Leda Mara, que já atuou no Grupo de Apoio de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), obteve 123 votos, seguida pelo Procurador de Justiça José Roque Nunes Marques, com 89 votos, e o Promotor de Justiça Paulo Stélio Sabbá Guimarães, com 80 votos.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •